Blogs Portugal

quarta-feira, janeiro 31, 2007

Os Blues


Gosto de Blues

Sei que a maioria é triste, mas a mim quase todos os blues me fazem sentir bem.
Mesmo naquelas noites onde nada sabe bem…aquelas em que se fuma para empurrar a bebida e se bebe para empurrar o fumo, aqueles acordes despertam-me, puxam-me para o sítio onde estou e quando dou por mim estou a bater o copo com força na mesa.
Noites em que se entornam coisas, em que se puxam mulheres pelo braço, em que se rola por cima da mesa porque não se gostou do que aquele tipo disse, noites em que se sangra, noites de cabedal, de botas, de sítios que tresandam a álcool e fumo, noites de lama, de valetas, de quedas aparatosas, de riso alto e maneirismos rudes, noites de garrafas que voam e se partem, noites onde não sabes onde estão as tuas chaves e não te ralas com isso, noites de beijos de luxúria e punhos cerrados.
Pois é, o ritmo dos blues é o ritmo do coração, e do nada, quando os ouço dou por mim a viver.
Soam os primeiros acordes e quase que se adivinham os seguintes, quem disse que isso é mau?
É sangue compassado que bombeia do meu coração para tudo o resto.

6 comentários:

Lia Bettencourt disse...

ora que saudades, menino Adriano! e que bom retorno! os blues que andas a ouvir. dá para perceber que realmente mexem imenso contigo e, ainda por cima, toca-te bem nos extremos. mas quem é sensível é mesmo assim: não controla. tanto dá para os beijos de luxúria como para cerrar os punhos e rolam corpos por cima das mesas. compreendo perfeitamente. a música também tem este efeito em mim (não tão violento, é certo...)
que bom ter-te de volta.

Lia Bettencourt disse...
Este comentário foi removido por um gestor do blogue.
fonsini martini disse...

2 palavras em inglês:

Fucking Great!!!

Fonsini

Anónimo disse...

Noites em que home que é home diz caralho!! Tass a cagar!! ;)

Duarte disse...

... As tuas palavras sao o que vai na minha alma! Tenho saudades do abraço do Urso! UM ABRAÇO DESSES

Gala disse...

não seriam blues se não fossem tristes
gosto de músicas tristes,não só de blues
o primeiro de todos tinha ke ser triste
só assim faria sentido tudo o mais ke se descobriu na música
Na minha opinião as mais belas canções são compostas em momentos de infinita tristeza
não ker dizer necessariamente ke nos sintamos tristes ao ouvi-las, se calhar é mesmo o efeito oposto ke obtemos
o teu texto é tão sugestionável, ke de repente deu-me uma vontade violenta de ouvir,ouvir,ouvir sei lá bb king,john lee hooker e viajar até esse sítio até ke sejam horas de acordar :)

Hey mister bartender come here
I want another drink and I want it now
I wanna get drunk till I'm off of my mind
One bourbon, one scotch, and one beer