Blogs Portugal

domingo, junho 09, 2013

Sobre o Amor



O amor é em tudo como o mar.
Ninguém questiona a sua existência, ninguém negará que ele cobre ¾ do nosso mundo, mas enquanto que para uns ele será uma recordação distante, ou a imagem de um postal.
 Para outros ele será a própria vida.
Para os afortunados que vivem no mar, junto ao mar, para o mar, e do mar, só posso desejar que reconheçam a sua beleza e força avassaladora.
Que se lembrem que não existem pontes sobre o mar, pois o mar não é um rio.
Que no mar navega-se e sempre de acordo com as suas regras.
E que compreender o mar não é dominar o mar.
Numa multidão, os amantes reconhecem-se tão bem quanto os marinheiros. Ninguém sai o mesmo de uma viagem no mar e do mesmo modo misterioso, também o amor transforma.
Por isso amantes, façam aquilo que estão aqui para fazer, mostrem-nos como se navega, transformem-se diante dos nossos olhos e recordem-nos que a vida começou no mar, e se não há vida sem mar…
Então não há vida sem amor.

1 comentário:

AditiMegan disse...

Ode ao Amor...

A força mais poderosa e transformadora do universo...

Palavras do teu coração, com a magia e o calor de uma recordação.